15 de fev de 2014

Um passeio pelas modas alternativas ~*

Bom dia, Estrelinhas!!!

Hoje estou de repleto bom humor. Ontem eu passei o dia todo trabalhando no meu novo projeto We Heart Pullip (em breve farei uma postagem sobre ele) e nem pensei muito que era Valentine's Day.
Mas foi engraçado porque esta noite eu de repente acordei agitada às 2:30 da manhã (?) com ideias na cabeça. Já acendi meu abajur, peguei meu caderno de ideias no criado e sai anotando em uma velocidade que me surpreendi o título desta postagem "Um passeio pelas modas alternativas".

Eu já comentei no blog em mais de uma postagem sobre dias ruins e se vestir/sentir como uma princesa. E sobre isso que vou tratar hoje. Minha linha do tempo nas modas alternativas e quem sou hoje.

Se alguém falasse para a menina que eu era uns 4 anos atrás que da menina que era uma "personagem de Kingdom Hearts" me tornaria uma moça feminina com estilo alternativo eu diria que ela era maluca!
Na minha cabeça naquela época eu jamais iria querer mudar. Não pelo menos até uns 25 anos.

Mas como tudo na vida, eu mudei. E descobri que meu maior impulso para tentar ser mais feliz ou resolver qualquer problema é mudar fatos estéticos e hobbys. Eu passo muito tempo refletindo sobre mim mesma e da maneira como penso. Pode-se dizer que sou "velha" e "complexa". Sempre fui desde criança.

Quando estava terminando o colegial, em meio as ansiedades e preocupações para o futuro, eu encontrei lolita. E aí tudo começou a mudar. Meu mundo se tornou mais colorido e radiante. Não que tudo tenha sido flores, o começo foi difícil. Mas aos poucos fui pesquisando e aprendendo cada vez mais.

Meu outfit princesa country (10/2013)
Minha mais profundo paixão em lolita como já disse um milhão de vezes é o country.
E dificilmente monto um coordinate sem minha fiel bolsa de palha!

(2011)
Conforme meu gosto crescia por lolita comecei a pesquisar sobre outras modas e fui parar em gyaru.
Além de ser um fracasso, cheguei a conclusão que realmente eu não tenho o perfil.
Mas me diverti muito me inspirando no estilo nesse dia aleatório em casa.

(2013)
E então o mundo se iluminou para mim novamente em meio a minha crise lolita.
Encontrei o Otome Kei. O estilo que acabei ficando mais conhecida por aí e ganhar meu orgulhoso título "a boneca que faz bonecas".
Foi como ter encontrado um porto seguro, onde eu podia ser eu mesma de forma alternativa semi-comum/aceitável pela população.
Venho me dedicando ao estilo já faz um tempo, já que quando comecei tinha muito pouco conteúdo e somente comunidades em inglês. Foi o maior passo que dei para me ajudar a crescer.
Nem eu sei descrever o quanto este estilo se tornou especial para mim.

(12/2013)
Juntamente com otome eu achei o Aomoji, o estilo da Kyaru Pamyu na época. Muita pouca informação se achava também e nem era tão """pastel gothic""" como é hoje.
Passei pouco por esse estilo. Não consigo coordenar ele, se é que é possível dizer isso.

(2013)
O Fairy Kei não foi um estilo que passei de verdade. Minha única inspiração foi para esse outfit otome.
Só acho ele bonito mas não tem nada haver comigo

(09/2013)
O último estilo que me encontrei foi o Hama. Acabei usando muito pouco até agora.
Mas acho delicado e bem casual

Se eu não tivesse feito essa viagem através das modas alternativas acho que jamais teria conseguido descobrir quem realmente sou e colocar isso pra fora: fisicamente, esteticamente e artisticamente. Ter aprendido a me maquiar ou dar um jeito no meu cabelo. Saber escolher meu próprio guarda-roupa de acordo com o que gosto e o que me faz sentir confortável.

Um pacote que no total resulta em me sentir como uma princesa. ~*

Talvez eu acabe tendendo esse ano a ser eu mesma e não ligar para as regras dos estilos e montar meus próprios looks. Porque foi graças a elas que eu apreendi a coordenar.
Espero esse ano finalmente atingir o estilo Hoshi

Tenham um mágico fim de semana ~*

6 comentários:

  1. Que postagem legal! Muito legal ver sua jornada em busca do seu estilo pessoal. Eu acho que você já encorpora vários toques pessoais nos seus outfits, mas espero que cada vez mais você possa identificar o que te faz feliz. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Fer :3
      Fazia tempo que queria fazer uma postagem assim. Mas não estava preparada ainda. Percebi que não adianta ter pressa e que vamos crescendo e aprendendo com calma ~*

      Excluir
  2. Adorei o post! Que linda!
    Queria também tentar outros estilos, mas acho que só fico bem mesmo de lolita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ana
      Você tem muita força e amor por lolita. São poucas as pessoas que tem essa garra ^^
      Se não tivesse desistido de lolita uma vez (e também não ter coragem de usar no dia-a-dia) acho que não teria experimentado os outros estilos.

      Bjs ~*

      Excluir
  3. Adorei a postagem!
    Realmente otome kei combina muito com você que é delicadinha :33
    Continue nos inspirando, Hoshi! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Polly ;o;
      Ficou honrada por poder inspirar pessoas lindas como você ~*

      Excluir

Obrigada por ler e comentar ~*